cartões de incentivo

Por que as empresas investem em cartões de incentivo?

Existem alguns motivos que levam as empresas a investirem em cartões de incentivo. Entre eles, podemos destacar a busca pelo engajamento do colaborador e consequentemente o aumento da produtividade. 

cartão de incentivo
  • Facebook
  • Twitter
  • Google+
  • LinkedIn

De maneira geral, esses objetivos são alcançados, por isso, seu uso tem sido crescente no meio organizacional. Todavia, não só esses aspectos são conquistados. Se utilizado de forma adequada, outros ganhos podem ser somados aos efeitos dessas ações de incentivo. Saiba quais são eles!

Atrair e reter talentos

Não é muito difícil compreender a relação entre o incentivo, a atração de novos talentos e a retenção dos que já fazem parte da empresa. Todo profissional busca no trabalho uma satisfação, tanto material quanto relacionada a expectativas pessoais e sociais.

Ao escolher uma empresa para trabalhar, o profissional qualificado decidirá por aquela que mais atende aos seus anseios. Um programa de incentivo de sucesso oferece aquilo que o colaborador deseja, por isso, os cartões de incentivo são tão populares — por darem liberdade de escolha ao usuário. 

Ter uma vantagem competitiva

Além dos ganhos internos com a equipe de trabalho em si, o uso de cartões de incentivo para premiar e recompensar colaboradores se torna uma vantagem competitiva.

Toda empresa precisa ter algo que a diferencie no mercado, visto que a competitividade é um fator que faz parte da realidade. Portanto, é interessante jogar com esse aspecto de forma positiva. Isto é, em vez de tentar acompanhar seus concorrentes, inovar por meio de estratégias diferenciadas.

Enquanto muitos apenas prometem recompensas para seus colaboradores, a sua empresa pode oferecer uma alternativa concreta, o que a fará disparar à frente da concorrência.

Gerar valor de mercado

Não só em qualidade os cartões de incentivo influenciam, mas também nos números. Para conhecer o valor real de uma estratégia, é preciso transformá-la em dados mensuráveis. A partir do investimento no seu capital humano, é possível calcular o retorno sobre esse investimento.

Alguns de seus indicadores são a diminuição da rotatividade de talentos (que gera economia) e o aumento da produtividade — saiba como diminuir o turnover!

Um olhar para o futuro

A percepção de valor de uma empresa se dá de maneira complexa, incluindo variáveis muitas vezes subjetivas. O valor de mercado será sempre o que o investidor percebe e não o que você acredita. No entanto, um aspecto que todo investidor avalia é o que a empresa pode render no futuro.

Nesse sentido, fazem parte da visão de futuro: carteira de clientes sólida, perspectivas de fornecimento de sua matéria-prima e, finalmente, aquilo que sustenta a empresa, que é a qualidade de gestão. Uma boa administração, com profissionais qualificados e engajados, agrega valor. Em contrapartida, a ausência de investimento em capital humano é capaz de minar as perspectivas de um negócio. 

Sendo assim, os cartões de incentivo não são escolhas que se dão por acaso, eles fazem parte de uma política de incentivo baseada em qualidade e produtividade. Qualidade porque estimulam a equipe de trabalho, e produtividade porque profissionais engajados produzem mais. 

Quer receber mais conteúdos como esse? Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades mais recentes do mercado! 

Conheça nossa linha de Cartões de Incentivo, o único com 6 funções diferentes e as melhores taxas do mercado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Share This